Olá, selecione a sua localidade:

Sala de Imprensa

Compre seu certificado digital com quem é líder do mercado


Uso da Certificação Digital no departamento de saúde da PMDF será destaque no CertForum

19/05/14 17:23:16
A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), em parceria com a Certisign, expandiu o uso da tecnologia de Certificação Digital ICP-Brasil da área administrativa para o Departamento de Saúde e Assistência ao Pessoal, integrando a tecnologia ao Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP), digitalizando documentos e utilizando o Carimbo de Tempo. O caso de sucesso está entre a programação do 12º CertForum, que acontecerá nos dias 27 e 28 de maio, em Brasília.
 
Com o uso da Certificação Digital e Carimbo do Tempo, o Sistema de Registro Eletrônico em Saúde da PMDF alcançou o Nível de Garantia de Segurança 2 (NGS2), preconizado pela Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) e exigido pelos Conselhos Federais de Medicina e Odontologia (CFM e CFO). Isso permite que a PMDF assine digitalmente documentos eletrônicos e garanta sua temporalidade e transforme o legado físico em eletrônico com validade jurídica e segurança.
 
"Com a digitalização dos 136 mil prontuários, além da liberação do espaço de 200 metros quadrados, conquistamos segurança no armazenamento destes prontuários, pois a digitalização permitiu que criássemos uma redundância que seria absolutamente inviável com o uso de cópias em papel", explica o Tenente Coronel Alexandre Saud, Chefe do Núcleo de Tecnologia da Informação, do Departamento de Saúde e Assistência ao Pessoal da Polícia Militar do Distrito Federal.
 
Outro ganho foi a melhoria na eficiência dos processos e maior agilidade na tomada de decisões. Antigamente um auxiliar demorava pelo menos 15 minutos para entregar um prontuário ao médico. Agora, isto é feito em segundos, pois o Departamento produz, assina, transmite e arquiva os documentos na esfera eletrônica. Sem a necessidade de impressão de papel. Por mês, 30 mil folhas de papel deixaram ser impressas - 360 mil ao ano.
 
Julio Cosentino, vice-presidente da Certisign, empresa responsável pela implementação da tecnologia na PMDF, completa: "Na prática, o uso do PEP reduz custos operacionais, agiliza processos e ainda preserva as informações dos pacientes. Todo o histórico fica sistematizado e disponível para consultas. Sem contar os benefícios relacionados ao meio ambiente, pois todos os documentos tornam-se eletrônicos e, portanto, são armazenados da mesma maneira".
 
A PMDF estima uma economia em torno de R$3,6mi por ano com a redução e eficiência nos procedimentos clínicos. "A redução de custos é bastante significativa e esperamos ter o retorno do investimento no primeiro ano", completa. Mesmo diante de todos os benefícios financeiros, Saud, destaca que o impacto social é o mais importante. "Com esta tecnológica conseguiremos eliminar filas de esperas, disponibilizar exames com mais velocidade e prestar um atendimento mais humanizado", finaliza.
 
Sobre a Certisign
 
A Certisign é precursora da certificação digital na América Latina e já emitiu ao longo dos seus  17 anos de atividade mais de cinco milhões de certificados digitais. Líder do segmento está presente em todos os estados do país e conta com mais de 1.000 pontos de atendimento no Brasil. Possui uma unidade de negócios especializada no desenvolvimento de produtos e soluções para pequenas, médias e grandes empresas, que buscam integrar a certificação digital no dia a dia, para assim desfrutarem dos benefícios da tecnologia com a confiança necessária para atuarem no mundo digital. Para mais informações, acesse www.certisign.com.br. 
 
 

Segmento: Soluções Corporativas