Releases

2016-09-13 11:26:50.0

Carregar documentos de identificação no celular já é realidade


Maurício Balassiano*
 
Cada vez mais empresas privadas e públicas disponibilizam serviços no meio eletrônico para proporcionar comodidade às pessoas. Lojas virtuais, Internet Banking, e-CAC, eSocial e Portal de Assinaturas – sim, é possível assinar documentos com validade legal e jurídica também na internet – são exemplos. Na mesma proporção que a adesão a esse novo jeito de "resolver a vida" cresce, aumentam as possibilidades de como acessar esses serviços. Se antes o computador era a porta de entrada, hoje são os dispositivos móveis que estão ganhando espaço. Inclusive, além de viabilizar o acesso à internet, eles podem armazenar, com segurança, os nossos documentos de identificação.
 
E o motivo é simples. Qual é o acessório que diariamente acompanha a maior parte das pessoas? O celular. É nele que estão todos os compromissos do dia, o e-mail corporativo, o aplicativo de mensagens instantâneas, as fotos do último evento... Enfim, o smartphone se tornou a extensão de nós mesmos. E as empresas que não acompanham esta tendência, já estão paradas no tempo. 
 
É por isso que os documentos de identificação também estão se tornando mobile para facilitar o uso nas aplicações nas quais eles são necessários e, também, evitar o famoso "não está comigo, esqueci no escritório ou em casa", quando é preciso apresentá-lo ou usá-lo. Recentemente, foi lançado no mercado o mobileID, uma nova modalidade de Certificado Digital que pode ser armazenada em dispositivos móveis. Com essa novidade, o e-CPF e o e-CNPJ podem ser carregados no celular ou tablet. Daí, o dono pode "resolver a vida" do smartphone: assinar documentos, acessar o e-CAC, se autenticar em sites... De onde quiser e a qualquer momento. 
 
Outra iniciativa que vai ao encontro do mundo mobile é o Projeto de Lei 2006/15, do deputado Tenente Lúcio (PSB-MG), que propõe que os motoristas apresentem documentos, como a CNH e o Renavan, do veículo, em formato digital, pelo celular, desde que o portador tenha Certificado Digital válido. O projeto está em trâmite em caráter conclusivo (não precisa ser votado em Plenário).
 
Esse cenário mostra que o digital e o mobile estão e estarão cada vez mais presentes na vida das pessoas. A comodidade da compra on-line e de acessar o banco pela internet já não são mais novidades, porque fazem parte da rotina dos tempos atuais, assim como, em breve, carregar os documentos de identificação no celular será.  
 
*Maurício Balassiano é diretor de Produtos e Tecnologia da Certisign.

Segmento:mobileID


Ver todos